Este blog vai estar temporariamente sem atualização.
Acesse: www.policialbr.com para site atualizado

DO SOLDADO AO CORONEL, UNIDOS PELA PMESP!

DO SOLDADO AO CORONEL, UNIDOS PELA PMESP!

DO SOLDADO AO CORONEL, UNIDOS PELA PMESP!

DO SOLDADO AO CORONEL, UNIDOS PELA PMESP!

ALERTA GERAL - CONVOCAÇÃO - UU

ATENÇÃO

Mostrando postagens com marcador Polícia Rodoviária Federal. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Polícia Rodoviária Federal. Mostrar todas as postagens

2 de set de 2014

Sargento da PM é detido na BR-153 com camionete adulterada

Veículo tinha 'fortes indícios de adulteração', de acordo com a PRF.
Militar é do Distrito Federal e foi encaminhado para a delegacia de Guaraí.

Camionete apreendida com sargento da PM, do Distrito Federal, tinha indícios de adulteração (Foto: Divulgação/PRF-TO)Camionete apreendida com sargento da PM, do
Distrito Federal, tinha indícios de adulteração
(Foto: Divulgação/PRF-TO)
Um sargento da Polícia Militar do Distrito Federal foi detido na tarde de sábado (30), no km 329 da BR 153, em Guaraí, na região central do Tocantins. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), ele conduzia uma camionete cujo documento havia "fortes indícios de adulteração".
De acordo com a PRF, o veículo, que tem placas de Minas Gerais, também estava com os sinais identificadores adulterados. Depois de consultar o sistema do Departamento de Polícia Rodoviária Federal (DPRF), os agentes descobriram que a camionete tinha uma ocorrência de furto/roubo.
Um tenente do 7º Batalhão da Polícia Militar de Guaraí acompanhou os procedimentos e, conforme a PRF, a pistola e as munições em poder do policial detido foram recolhidas. "Em seguida houve o encaminhamento da ocorrência à Central de Flagrantes de Guaraí", finalizou a PRF.
Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o sargento foi ouvido e liberado. Na delegacia, ele disse não saber que o veículo era adulterado. Ainda conforme a SSP, a camionete, que continuou apreendida, vai passar pela perícia e após os procedimentos cabíveis será devolvida ao verdadeiro dono.
Do G1 TO

26 de ago de 2014

Militar preso suspeito de extorsão pode ser expulso da polícia no Piauí

Servidores da Fazenda e PM foram presos por suspeita de extorsão.
A suposta extorsão aconteceu na rodovia que liga Sussuapara à Picos.


Dinehiro encontrado com agentes fazendários pela polícia rodoviára federal no PI (Foto: Polícia Rodoviária Federal)Dinheiro encontrado com agentes fazendários
(Foto: Polícia Rodoviária Federal)
“Eles faziam uma operação volante quando o suposto crime de extorsão teria acontecido. Segundo o que relatou os policiais rodoviários federais que realizaram a prisão, a suposta extorsão aconteceu na rodovia estadual que liga a cidade de Sussuapara à Picos. Segundo as vítimas, os agentes fazendários exigiram o pagamento de R$ 2 mil para não expedirem multas fazendárias e o militar acompanhava os servidores, por isso foi preso em flagrante”, comentou o corregedor.

Ainda segundo Ricardo Lima, o policial que não teve o nome revelado, foi encaminhado para a Central de Flagrante e depois foi levado para o quartel da polícia militar onde aguarda o procedimento da cooperação.

Entenda o caso
Três agentes fazendários da Secretária Estadual de Fazenda do Piauí e um policial militar foram presos nesse domingo (24) em Picos, na região Sul do Piauí pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) após denúncia de extorsão. Segundo a PRF, caminhoneiros relataram que estavam sendo extorquidos pelos servidores.
“As vítimas relatam ainda que pagaram R$ 1,5 mil em espécie e R$ 500 em cheque que teria sido recebidos como troco após abastecimento no Posto Gaturiano, em Dom Expedito Lopes. Diante dos fatos, a PRF fez diligências e localizou com os acusados. Com eles foram encontrados, o cheque de R$ 500, R$ 4,8 mil e um revólver com cinco munições”, contou o inspetor.

Ainda de acordo com o policial, um único agente estava com R$ 3,6 mil. Os servidores foram encaminhados para a Delegacia de Polícia em Picos para prestar esclarecimentos.
A Secretaria Estadual de Fazenda enviou uma nota informando que será instauradoum processo Administrativo Disciplinar para que todos os fatos sejam devidamente apurados.
Do G1 PI

18 de ago de 2014

Polícia apreende mais de 2 toneladas de maconha em Laranjeiras do Sul

Apreensão ocorreu na manhã desta segunda-feira (18), na BR-277.
Droga estava sendo transportada em caminhão roubado, segundo a PRF.


PRF apreendeu 2.250 quilos de maconha escondida em um caminhão roubado (Foto: PRF/Divulgação)PRF apreendeu 2.250 quilos de maconha dentro
de um caminhão roubado (Foto: PRF/Divulgação)
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu duas toneladas e 250 quilos de maconha na BR-277, em Laranjeiras do Sul, na região central do Paraná, na manhã desta segunda-feira (18). De acordo com a PRF, a droga estava sendo transportada em um caminhão roubado. Um homem foi preso.
Ainda segundo a PRF, o motorista informou que pegou o caminhão já carregado em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, e levaria a carga até Curitiba. Ele deve responder por tráfico de drogas, uso de documento falso e receptação.
O condutor, o caminhão e a droga foram encaminhados à Delegacia da Polícia Federal de Guarapuava.
Maior apreensão de 2014
Também em Laranjeiras do Sul ocorreu a maior apreensão de drogas de 2014 no Paraná, de acordo com a PRF. Mais de seis toneladas de maconha foram encontradas dentro de um caminhão roubado, que seguia pela BR-277. Na ocasião, um homem foi preso.
Do G1 PR

16 de ago de 2014

No AP, Polícia Rodoviária Federal apreende dinamite e munições

Material foi encontrado em Oiapoque, a 590 quilômetros da capital.
Polícia Civil investiga a origem dos produtos que foram apreendidos.


Material foi levado para o Ciosp da cidade de Oiapoque, onde o fato ocorreu (Foto: Ascom/PRF)Material foi levado para o Ciosp da cidade de Oiapoque, onde o fato ocorreu (Foto: Ascom/PRF)
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou ter apreendido, na sexta-feira (15), nove bananas de dinamite e 18 munições de espingarda dentro da casa de um homem que teria ameaçado de morte o próprio funcionário, um caseiro que preferiu ter a identidade preservada. Ainda de acordo com a PRF, a apreensão ocorreu após o caseiro acionar os policiais para que eles o acompanhassem até a residência. O episódio ocorreu no município de Oiapoque, a 590 quilômetros de Macapá. Ninguém foi preso.
Um homem que estaria dentro do imóvel fugiu do local ao avistar a equipe da polícia. Além do armamento, os policiais apreenderam três placas de moto falsificadas. A Polícia Civil está investigando a origem dos objetos e os motivos das ameaças de morte do patrão ao empregado, que afirmou ter deixado o trabalho "por medo".
Os objetos apreendidos foram levados para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) de Oiapoque. O funcionário foi encaminhado à delegacia para prestar depoimento. O patrão está foragido.
Do G1 AP

13 de ago de 2014

Começa júri de administrador acusado de matar agente da PRF

Márcio Scaff atropelou e matou a policial Vanessa Siffert em 2006.
Para o Ministério Público, o caso se trata de um homicídio doloso.


Depois de 8 anos, vai a júri popular nesta quarta-feira (13) em Belém, o administrador Márcio Scaff. O reú atropelou a policial rodoviária federal Vanessa Siffert depois de ter furado o bloqueio da PRF no km 10 da BR-316 em Ananindeua, na região metropolitana de Belém. O caso não será julgado de acordo com as leis de trânsito e sim de acordo com o código penal, por ser considerado um crime doloso, quando a pessoa assume o risco de matar. O julgamento, marcado para iniciar às 9h, começou com mais de 40 minutos de atraso.
O acidente ocorreu na noite do dia 16 de outubro de 2006, próximo a um posto da PRF. Segundo o Ministério Público Federal, um carro que estava em alta velocidade, dirigido por Márcio Scaff, que na época tinha 28 anos, não teria obedecido a sinalização, derrubando os cones que estavam na pista para em seguida atingir a policial. Vanessa Siffert era de Minas e estava há 3 meses no Pará como policial. Este era o sonho dela, que deixou o emprego em Portugal para ser nomeada.
Policiais rodoviários federais acompanham julgamento.  (Foto: Reprodução/TV Liberal)Policiais rodoviários federais acompanham o
julgamento. (Foto: Reprodução/TV Liberal)
"Assim que nós chegamos ele já estava algemado, sendo conduzido para o interior do posto.  E eu fui fazer a revista no interior do veículo. Localizamos uma garrafa de wisky seca e um pote de remédios com quatro cigarros de maconha", lembra o inspetor da PRF, Idailson Martins (PRF).
A morte de Vanessa foi um trauma para a família. “O pai da Vanessa, seu Celso, faleceu em consequência da morte da filha, ele nunca conseguiu superar. Ele teve uma depressão profunda”, afirma Glauce Brabo, advogada do sindicato dos policiais.
PRF Vanessa Sifert morreu após ser atropelada na BR-316. (Foto: Divulgação/ PRF)PRF Vanessa Sifert morreu após ser atropelada
na BR-316. (Foto: Divulgação/ PRF)
O advogado de defesa do acusado trabalha na tentativa de convencer os jurados que o crime deve ser julgado de acordo com o Código de Trânsito. “Não há nenhuma prova de que ele efetivamente se embriagou para praticar o crime”, alega Oswaldo Serrão, advogado de defesa.
Para o promotor do caso, a grande discussão do júri será com relação a gravidade dos crimes cometidos no trânsito. “No Ministério Público há uma situação de dolo eventual, em que, embora não imaginando matar, se assumiu o risco de causar essa morte e isso em uma sociedade como a nossa, em que a discussão precisa ser mais detalhada, isso é muito importante. Nós vamos cada vez mais deixar claro que o trânsito não é algo que tudo vale, que eu posso fazer qualquer atividade. É necessário assumir uma responsabilidade cada vez maior e isso está demonstrado nesses autos, como um caso típico de homicídio doloso", afirma Ubiratan Cazzeta, procurador da república.
Do G1 PA

8 de ago de 2014

No MA, quase 300 detentos receberão a saída temporária para o Dia dos Pais

Detentos podem passar até seis dias com familiares.
Têm direito ao benefício apenados que estão no regime semiaberto.

Duzentos e oitenta e oito detentos maranhenses receberam autorização temporária para passar o Dia dos Pais com a família. Seus nomes constam da portaria assinada pelas juízas Ana Maria Almeida Vieira e Sara Fernanda Gama, titular e auxiliar da 1ª Vara de Execuções Penais (VEP) de São Luis. Segundo o documento, os detentos começam a ser liberados nesta sexta (8) e devem retornar na quinta (14).
De acordo a Lei de Execuções Penais, os condenados que cumprem pena em regime semiaberto poderão obter autorização para saída temporária do estabelecimento, sem vigilância direta, a visita à família; frequência a curso supletivo profissionalizante, bem como de instrução do 2º grau ou superior, na Comarca do Juízo da Execução; e participação em atividades que concorram para o retorno ao convívio social.
A portaria destaca que os internos contemplados com a saída temporária do Dia dos Pais não poderão se ausentar do Estado. Deverão os dirigentes dos estabelecimentos prisionais de São Luis, comunicar à VEP sobre o retorno dos internos e eventuais alterações. As secretarias de Justiça e da Administração Penitenciária (Sejap), de Segurança (SSP), e as superintendências da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal, já foram notificados sobre a portaria.
Do G1 MA

Idoso é preso transportando 3,2 toneladas de maconha em MS

Segundo a PRF, droga estava embaixo de carregamento de madeira.
Suspeito disse que deveria levar o entorpecente até Minas Gerais.


Maconha foi encontrada embaixo de carregamento de madeira (Foto: Divulgação/PRF)Maconha foi encontrada embaixo de carregamento
de madeira (Foto: Divulgação/PRF)
Um homem de 64 anos foi preso transportando 3,2 toneladas de maconha escondidas embaixo de um carregamento de madeira, durante a noite desta sexta-feira (8) em Dourados, a 214 km de Campo Grande. O flagrante foi feito pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) com apoio do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) e da Polícia Militar na BR-163
Segundo a corporação, o idoso, que mora em Assis (SP), disse aos agentes que pegou o entorpecente em Coronel Sapucaia e o levaria até Minas Gerais, onde receberia R4 5 mil pelo serviço.
O caso suspeito, a droga e o veículo foram encaminhados para a Delegacia Especializada em Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron)
Do G1 MS

PRF apreende pistola, munições, celulares e 1,6 tonelada de maconha

Flagrante aconteceu na BR-163 em Rio Brilhante, em Mato Grosso do Sul.
Suspeito abandonou o veículo e fugiu ao ser perseguido pelos agentes.


1,6 toneladas de maconha, celulares, pistola e munições foram apreendidos. (Foto: Polícia Rodoviária Federal/ Divulgação)1,6 toneladas de maconha, celulares, pistola e munições foram apreendidos. (Foto: Polícia Rodoviária Federal/ Divulgação)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 1,6 tonelada de maconha dentro de uma caminhonete durante uma operação de rotina em um trecho da BR-163, em Rio Brilhante, a 150 quilômetros de Campo Grande. Além do entorpecente, uma pistola 9 milímetros, um carregador contendo 14 munições e dois celulares também foram encontrados no veículo.
A corporação disse ao G1 que o condutor do veículo fugiu ao avistar os agentes. Os policiais começaram a segui-lo, mas o suspeito abandonou a caminhonete, fugiu e ainda não foi encontrado.
Foi constatado durante vistoria que o veículo usado no tráfico de drogas havia sido roubado no município de Deodápolis no dia 12 de julho.
Do G1 MS
Postagens mais antigas → Página inicial